Menu

 


GEO empata em casa novamente

 


Neste domingo, 07, Grêmio Osasco e Atibaia fizeram uma movimentada partida, válida pela segunda rodada do returno do Campeonato Paulista de Futebol – Série B. O empate em 2 a 2 traduziu bem o que foi a partida, com as duas equipes se revezando no domínio dela.

O Grêmio Osasco poderia ter aberto o placar logo aos 6 minutos, quando Michel completou de cabeça uma cobrança de escanteio. O goleiro Dida, totalmente batido no lance, ficou espiando a bola passar rente à sua trave esquerda.

Foram os visitantes, porém, que fizeram o primeiro gol da partida, dois minutos depois. A cobrança de escanteio no primeiro pau foi desviada por João Paulo para as redes osasquenses. Mas os atibaienses nem tiveram tempo de comemorar. No minuto seguinte, Hugo Vieira recebeu lançamento na área, girou sobre o zagueiro e bateu no canto esquerdo do goleiro Dida, igualando o marcador.

Aos 24 minutos, o time local criou grande chance para desempatar a partida. Hugo Vieira tocou de calcanhar para Daniel, que devolveu de primeira, colocando o artilheiro na cara do gol. Hugo, porém, finalizou em cima do goleiro Dida, que saiu para o abafa.

No minuto seguinte, a virada: Léo lançou Daniel, que passou em velocidade pelos zagueiros e cruzou na medida para Dedé pegar um belo sem-pulo, sem chances de defesa para Dida.

Depois do gol, o Grêmio Osasco dominou totalmente a partida e poderia ter ampliado sua vantagem aos 41 minutos, quando Dedé driblou dois zagueiros e tocou para Éder cruzar na área. Hugo Vieira dividiu com o zagueiro e a bola sobrou para Daniel concluir para o gol. Milagrosamente, de ponta de dedos, Dida conseguiu tocá-la por cima das traves. Na cobrança de escanteio, Hugo Vieira subiu sem marcação, mas cabeceou para fora. Ao final da primeira etapa era nítida a superioridade osasquense. A zaga adversária só parava os jogadores do Grêmio com faltas, tanto que três de seus jogadores tomaram o cartão amarelo.

O Grêmio Osasco iniciou o segundo tempo jogando da mesma maneira. Aos 3 minutos, em cobrança de escanteio no primeiro pau, Hugo cabeceou para o meio da área. Renato concluiu para o gol, mas Dida, em mais uma brilhante defesa, conseguiu tocar levemente na bola, que passou “lambendo” o travessão.

No minuto seguinte veio a resposta adversária. Em grande jogada pela direita, Roni tocou para Carlinhos encher o pé. Atento, Igor fez grande defesa, espalmando a bola para escanteio. Na cobrança, a zaga cortou armando contra-ataque. Hugo lançou Dedé que, desmarcado, bateu em cima do goleiro, desperdiçando grande chance de ampliar.

Aos 9 minutos, o castigo para o tricolor osasquense: Carlinhos fez grande jogada pela esquerda, passou por dois zagueiros e rolou para Conceição disparar uma bomba, sem chances de defesa para Igor. A equipe osasquense, que até então dominava totalmente a partida, se abateu e não conseguiu mais manter o mesmo bom futebol apresentado até aquele momento. O time adversário cresceu e manteve a bola o tempo todo no ataque, embora sem levar grande perigo à meta defendida por Igor.

A partida voltou a se equilibrar somente aos 36 minutos, quando o zagueiro Rocha fez uma falta no ataque e tomou seu segundo cartão amarelo, seguido do vermelho. Partindo com tudo ao ataque, o Grêmio Osasco quase desempata aos 39 minutos. Dida cortou mal um cruzamento vindo da direita. No rebote a bola sobrou para William Lima que, dentro da área, cortou o zagueiro e bateu forte. A bola caprichosamente bateu no pé da trave direita de Dida, evitando a vitória osasquense.

Com o empate, o Grêmio Osasco manteve-se vivo na disputa e ainda só depende de suas próprias pernas para conseguir a classificação para a próxima fase do campeonato. No próximo domingo, 14, o time do técnico Toninho Moura volta a jogar no Estádio José Liberatti, às 10 h, contra o Américo. Mais um jogo de arrebentar o coração.

Grêmio Osasco: Igor, Léo (William Lima) , Michel, Wesley, Carlão e Éder. Renato e Luciano. Dedé, Hugo Vieira (Hugo Santos) e Daniel (João Salge). Técnico: Toninho Moura.

Atibaia: Dida, Rondinelle, Cristiano, Rocha e Polidoro. Tigrão, Peterson (Sthanner), Paraíba (Tom) e Roni. João Paulo e Carlinhos (Conceição). Técnico: Paulo Rogério de Freitas.

Local: Estádio José Liberatti, 07/09/08, 10h.

Gols: João Paulo (8’ 1T), Hugo Vieira (9’ 1T), Dedé (25’ 1T) e Conceição (9’ 2T).

Árbitro: Sérgio da Rocha Gomes. Assistentes: Marinaldo Silvério e Clarice Ferreira Lima. Quarto árbitro: Raphael Claus.

Cartões Amarelos: Michel, Éder e Carlão (GEO). Rondinelle, Carlinhos, Polidoro, Rocha, Sthanner e Conceição (Atibaia).

Cartões Vermelhos: Carlão (GEO) e Rocha (Atibaia)

 Luís Pires (Diretor de Comunicação - GE Osasco)
© 2008 NAÇÃO OSASQUENSE Livre distribuição desde que a fonte seja citada